quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Acampamento de verão

Há uns três anos não vou ao acampamento de verão da minha igreja.
Gosto muito de estar junto à natureza e, ainda mais, ouvindo palestras religiosas e louvor. 
Assim, geralmente costumo pelo menos passar um dia no costumeiro acampamento durante esses feriados de fevereiro.
Houve um ano em que fui a dois acampamentos. No sábado e domingo estive no acampamento de minha igreja e, em seguida, me dirigi à cidade em que meu filho morava e visitei também o acampamento de lá, num local bem rústico, em meio a belas cachoeiras, com água morna devido ao calor - o que achei maravilhoso, pois não gosto de água fria.
Num outro ano, resolvemos acampar em barraca, já que meu neto queria experimentar a sensação de dormir numa tenda. Foi o ano em que a chuva estragou nossa barraca no terceiro dia do acampamento.
Mesmo assim, curtimos dois dias dormindo acampados.
No ano seguinte, foi a vez do acampamento em que houve uma festa final chamada "Festa no Céu". Não ficamos acampados mas fomos a todas reuniões e até participamos do louvor instrumental.
Então, meu neto já estava mais crescido no ano seguinte, e acampou sozinho. Só assistimos às reuniões de sábado e depois voltamos para casa. Ele ficou com os colegas.
Depois, houve dois anos em que não acampamos, e agora, com a mudança, a oportunidade de participarmos de um acampamento num local diferente.
Estamos preparando as malas e ficaremos desta vez num alojamento para a família. Espero desfrutar de muito verde, muito louvor, estudo da Palavra, descanso também. Vou levar meu teclado para tocar em algumas ocasiões no nosso alojamento, já que ficaremos só nós três ali.
Quando puder, volto com o relatório. Tenham também ótimos feriados e os aproveitem bem!


2 comentários:

  1. Olá, Celina
    Acampar é bom demais. Este ano estaremos indo com a família para uma casa de praia, se Deus quiser, gosto muito de conviver com a família. Bjs querida.

    ResponderExcluir
  2. Oi Celina!
    Coisa boa Celina participar desses acampamentos, sempre são uma benção.
    Beijos querida e nos conte tudo quando voltar.

    ResponderExcluir