terça-feira, 21 de junho de 2016

Inverno

Li hoje uma reflexão sobre o início da nova estação:

"Hoje começa o inverno em todo o Hemisfério Sul. (...) É uma boa época para tomar sopas quentinhas, aproveitar para ler um bom livro debaixo das cobertas e usar aquelas botas e casacos que ficam guardados durante boa parte do ano. Para a prática de exercícios físicos, tem pontos positivos e negativos. O bom é que a gente não sua tanto. O difícil é sair cedinho de casa para caminhar, correr ou malhar. É preciso uma boa dose de compromisso e coragem!
Em terras tropicais, não estamos acostumados ao frio intenso. Na maior parte do Brasil, a temperatura de 15 graus é considerada congelante. Quando a seleção brasileira de futebol sai para participar de jogos amistosos em outros países e encara uma frente fria, os jogadores sofrem. É preciso chegar alguns dias antes e treinar para se habituar à temperatura que está próximo ou abaixo de zero. Nesses casos, os atletas que cresceram em países gelados levam vantagem, pois estão acostumados. Os mesmos 15 graus que nos fazem sair de casa com blusa de frio e touca e luvas, lsão considerados uma temperatura extremamente agradável para os habitantes dos países escandinavos, por exemplo.
Na vida cristã, corremos o grande risco de nos habituarmos à temperatura errada, sabia disso? Podemos passar tanto tempo longe de Deus que deixamos de nos incomodar com o frio. Em vez de percebermos nosso afastamento e gelo espiritual, achamos que está tudo bem. (...)
O estado de mornidão é extremamente perigoso, pois não percebemos nossa franca necessidade. Porém, é para essa igreja que o Senhor faz o lindo convite: Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, ele, comigo" (Apolipse 3:20). Deixemos ele entrar e nos aquecer com seu amor."

Inspiração Juvenil - De olho no prêmio

2 comentários:

  1. Lindo e bem reflexivo esse texto!Adorei! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Olá Celina
    Que linda reflexão, atender ao chamado do Mestre faz toda a diferença. Bjs amiga.

    ResponderExcluir