quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Um pouco mais



Quando eu era criança, e estava perto do Natal, ficava contando os dias. Na véspera, quase não dormia, ansiosa para ver os presentes.  O mesmo acontecia próximo ao meu aniversário. Agora, fico ansiosa quando se avizinha a viagem que costumo fazer no final do ano. A proximidade dos familiares, a troca de presentes, a própria viagem  através do país me aprazem muito e passo bastante tempo almejando por essa ocasião. 
Na lição da Bíblia que estamos estudando nesta semana, vemos o povo de Israel no último acampamento antes da terra prometida - terra para a qual viajava há mais de 40 anos - mas não tão ansioso para entrar nela.
A história está em Números 25. O vidente Balaão, que pertencia ao povo de Israel, fora procurado pelo inimigo, rei de Moabe, para que amaldiçoasse seu próprio povo, isto é, lançasse um presságio negativo, fizesse um encantamento para o mal. Deus não deixou que isso acontecesse, antes fez com que ele externasse bênçãos sobre Israel e deixou claro que esse tipo de encantamento não poderia atingir o povo do Senhor.
Entretanto, houve outro tipo de encantamento que atingiu alguns desse povo enquanto estavam acampados em Sitim: a sedução das belas vestais - sacerdotisas pagãs.
Muitos se deixaram seduzir, participaram de festas em honra a  falsos deuses  com elas e por fim os adoraram.  Esses que foram tomados pela sedução de Sitim não entraram em Canaã.
O que vejo de muito relevante nesse estudo é que faltava muito pouco para 
atingir a terra da promessa, e muitos não chegaram lá, porque se deixaram atrair pelo que havia para seus sentidos em Moabe.
A analogia com os dias de hoje é flagrante: conforme observamos pelo estudo da Bíblia, falta muito pouco para que os justos sejam levados à Canaã dos céus. Lembro da bela canção dos Arautos: "Um pouco mais": "Há Amor Real, há um riode paz, um lugar que Deus chamou de lar."  O exemplo registrado na Bíblia nos leva a refletir:  o que nos atrai no "acampamento" neste mundo? O que quer que seja, que não desvie nosso olhar do alto. Um pouco mais e Cristo virá nos buscar para o Lar que preparou para nós.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário